quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Venham mais cem anos assim!

Hoje, e como em todos os vinte e três Reveillon’s que já lá foram, ao fazer a minha típica retrospectiva do ano que se vai tornando pontualmente e bem passado, dei por mim, como é habitual, a sorrir. Confesso e sei-o motivo para uns de regozijo, mas sou dos poucos espécimes que conheço que se ri quando se olha ao espelho. Não sei ao que se deve em particular, mas dada a minha ordinariedade, imagino-o em especial. Não sei se é filosofia de estar na vida, desenho-o mais como a minha própria forma de ser. Cada um escolhe a postura que mais se adapta ao seu trono – só tenho pena é que eu e a minha família vamo-nos tornando cada vez mais originais.
Hoje, ao invés dos outros anos, em vez de novos e simultaneamente repetidos mandamentos para o que aí vem, às doze mecânicas badaladas vou pedir “Quero continuar…”. Os que me vão conhecendo sabem que todos os anos, aquando o meu desejo concedido pelas doze passas e respectiva lingerie vermelha por estrear, fadas-madrinhas de condão dos anos-novos, peço sempre “Quero ser feliz”. Vou entrar com o pé direito a sorrir, abraçando e despedindo-me do que deixei.
Hoje, e para sempre, vou agradecer a felicidade que todos me deram, dão e irão dar. Quero continuar a ser feliz. Desejo contar as minhas fantásticas viagens pelas décadas ao meus netos durante mil e uma noites. Magia ou não, é a única garantia que tenho até morrer e posso dar aos outros. Pois, para eu o ser, à minha volta também têm seguramente que o estar. Os que amamos são fonte de sonhos. Toquem-lhes sempre.
Hoje, ontem e amanhã, nada irá acontecer por acaso. Por isso, a todos um 2010 melhor que o meu 2009. Ficam com a minha maior e mais querida relíquia.

Beijinhos e muita folia para logo!

6 comentários:

Luís Gonçalves Ferreira disse...

É isso mesmo. "Quero continuar" também. Os nossos queixumes são idiotas, é no início do Ano Novo que temos que nos aperceber disso mesmo.

Boas Entradas, minha querida Nádia. Não foi em 2009 que nos conhecemos, mas foi aí que aprofundamos a nossa amizade. 2009 foi excelente, portanto.

Beijoca.

PS.: BOM ANO PARA TODOS, sem excepção

manuel afonso disse...

Apesar de ficarmos mais velhos, assim como o próprio tempo, costumamos dizer: ANO NOVO VIDA NOVA. Por isso,que o 2010 seja um ano magnífico, repleto de concretizações pessoais e
profissionais.

Nádia Dias disse...

Efectivamente foi uma passagem igual a tantas outras, e não estive com toda a gente que gostaria de ter estado. Fico muito sensibilizada nesta noite, numa ânsia desmesurada, nunca percebi muito bem o motivo. Espero que a vossa tenha sido tão divertida quanto a minha (ainda cheguei a horas de tomar o pequeno-almoço em família).
Manuel Afonso, seja bem-vindo a este piquenique!

Eduardo disse...

Pois não estiveste!!! Mas desta vez a culpa foi minha oh nadine!! :P Feliz 2010 oh tigresa!!!

Nádia Dias disse...

Nadine?! Só há uma pessoa no Mundo que me chama isso, e não me está a querer parecer que vocês se conheçam.
Quando voltares a gozar com a minha felinice, lembra-te então que tenho garras! ^^

Eduardo disse...

Se calhar conheço...e olha que eu não acredito em coincidências :)